segunda-feira, 27 de julho de 2015

Vacinação de coelhos



Ao contrário do que comummente se apregoa a respeito da falta de necessidade de se vacinar coelhos, lembramos que uma mascote não é um coelho qualquer, é seu grande amigo de estimação, convive com você e seus familiares e, em casos de enfermidades, há uma possibilidade de contágio mútuo.


 Para que seu coelho se mantenha em plena saúde, é importante levá-lo a um veterinário para decidirem juntos quais vacinas ele deve tomar:
  • A Mixomatose é altamente contagiosa entre os coelhos, mas não se transmite ao ser humano. A vacinação pode ser feita a partir de 6 semanas, mas alguns veterinários aconselham para a 12ª semana. Tem uma validade de 6 meses.
  • Doença Hemorrágica Viral (DHV) é também contagiosa e os veterinários sugerem a vacinação a partir dos dois meses de idade. Esta tem a validade de um ano.
  • Raiva: é recomendável a vacinação anti-rábica quando se cria o coelho em espaços abertos, ou quando se pretende viajar de avião com o mesmo.
  • Parasitas: além das vacinas, convém levar o seu novo amigo ao veterinário para fazer uma desparasitação interna (tênias e ascarídeos).

Sem comentários:

Publicar um comentário